Estado oficializa repasses de R$ 2 milhões do segundo edital do FIC 2014Notícia Anterior
Órgãos públicos fecham no último feriadão do ano antes do NatalPróxima Notícia
Notícias

Noticia em Tempo Real

Bernal pode perder tempo na TV por ‘invasão’ de espaço

Espaçamento entre linhas+- ATamanho da fonte+- Imprimir esta notícia
Notícias relacionadas

PMDB recorreu à Justiça para pedir a condenação do prefeito cassado.

Especialistas em direito eleitoral atestam que a aparição do prefeito cassado de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), na propaganda eleitoral gratuita, destinada aos candidatos ao Governo de Mato Grosso do Sul, deputados federais e estaduais da chapa é ilegal e passível de punição.

Conforme matéria da Zana Zaidan, publicada pelo jornal Correio do Estado, o advogado André Broges Netto considera a atitude de Bernal uma “violação” ao espaço, reservado por lei. “É espantoso que o ex-prefeito de uma Capital do Estado tenha essa conduta, que viola o espaço dos outros, e com o nosso dinheiro, porque é o contribuinte que banca a propaganda eleitoral. Fiquei surpreso”, afirma.

O progressista pode ser punido com a perda de minutos valiosos na propaganda eleitoral gratuita no rádio e TV, por ter usado o “palanque eletrônico” de forma indevida. Até o início da tarde de ontem (20), quatro representações no TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral) pediam punições ao progressista, todas referentes ao primeiro dia de exibição do horário eleitoral, na terça-feira (19). Os programas desta data eram destinados aos candidatos a deputados federais e presidentes, mas o destaque foi a aparição de Bernal. Além disso, ontem, o ex-prefeito também aproveitou o espaço reservado para os postulantes ao Governo e deputados estaduais, por isso, novas representações podem surgir.

O uso indevido da propaganda eleitoral gratuita é embasada no artigo 23 da resolução 22.261/2006, do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), que visa coibir a usurpação do horário destinado a um candidato, por outro, em prejuízo a princípio da isonomia, de forma a ferir a legalidade que rege os pleitos eleitorais.

Correio do Estado

1 Comentário

  1. luzia 21:43, ago 22, 2014

    advogado fiscalize os contratos exagerados feitos pelos senhores políticos, e tbem a saúde como o sistema sisreg. que esta matando pessoas por falta de atendimento. como tem medo do bernal é impressionante.

    Responder a este comentário

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Destaque

IPTU Premiado sorteou em Maracaju 2 Carros e 3 Motos

IPTU Premiado sorteou em Maracaju 2 Carros e 3 Motos   0

por Maracaju em Foco Na manhã desta quarta-feira 11-04 em frente ao Posto Central ocorreu o sorteio do IPTU Premiado que visou contemplar com prêmios os contribuintes que pagaram o tributo [...]

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner