Feriado de Carnaval derruba movimento e postos adiam reajuste na gasolinaNotícia Anterior
China se mantém em 2015 como principal parceiro comercial de MSPróxima Notícia
Notícias

Consumidor de MS vai continuar pagando mais pela energia elétrica

Espaçamento entre linhas+- ATamanho da fonte+- Imprimir esta notícia
Notícias relacionadas

Sem chuvas suficientes no sistema, uso de térmicas aumentou no País.

Os consumidores sul-mato-grossenses devem continuar a pagar tarifa de energia elétrica mais cara em março porque o Governo federal vai manter as usinas térmicas gerando energia elétrica e os reservatórios das hidrelétricas continuam baixos. Hoje, pagam R$ 5,50 a mais por cada 100 quilowatts/ hora mês por causa da bandeira tarifária vermelha, que deve perdurar. Em abril sobe mais, entre 30% e 40%, por causa do reajuste da tarifa da Enersul (Empresa Energética de Mato Grosso Sul).

Isso porque as chuvas ainda não foram suficientes para encher os reservatórios da hidrelétricas, tanto que em janeiro as térmicas produziram 70,79% a mais de energia, em comparação com o mesmo período de 2014. Como para este mês a previsão é de as precipitações sejam insuficientes, estes números devem se repetir.

Correio do Estado

0 Comentários

Sem Comentários Esta postagem ainda não tem comentários

Comente agora, seja o primeiro!

Mas você pode ser o primeiro a deixar um comentário !

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Economia

Em palestra na Expo Paraguai-Brasil, Longen reforça viabilidade do Indústria Sem Fronteiras

Em palestra na Expo Paraguai-Brasil, Longen reforça viabilidade do Indústria Sem Fronteiras   0

Em palestra realizada nesta terça-feira (24/10), durante a 9ª edição da Expo Paraguai-Brasil, em Assunção, capital do Paraguai, o presidente da Fiems, Sérgio Longen, destacou o projeto Indústria Sem Fronteiras, [...]