Feira de tecnologia do agro termina com publico de 15,8 mil em MSNotícia Anterior
PMDB quer disputar Presidência em 2018 com candidato próprio, diz TemerPróxima Notícia
Notícias

Noticia em Tempo Real

Depois de ser pichado, monumento é restaurado

Espaçamento entre linhas+- ATamanho da fonte+- Imprimir esta notícia
Depois de ser pichado, monumento é restaurado

Monumento Carro de Boi.(Foto: Divulgação).

Depois de ser pichado por vândalos, o monumento Carro de Boi, localizado em frente ao Horto Municipal, foi restaurado pela prefeitura de Campo Grande.

No Brasil, a pichação é considerada vandalismo e crime ambiental, nos termos do artigo 65 da Lei 9.605/98 (Lei dos Crimes Ambientais), que estipula pena de detenção de 3 meses a 1 ano, e multa, para quem pichar ou depredar prédios e ambientes públicos. De acordo com a Lei nº 12.408 de 2011, se o ato de pichação for realizado em monumento ou prédio tombado em virtude do seu valor artístico, arqueológico ou histórico, a pena é de 6 (seis) meses a 1 (um) ano de detenção e multa.

O chefe da Guarda Municipal de Campo Grande Valdecir de Lima Soares informou que foi intensificado as operações no local. “Estamos com operações nos bairros e na região central para coibir as pichações nos muros e prédios. São operações surpresas. Para obter resultados não estamos avisando os locais das operações Bairro Seguro”.

Monumento Carro de Boi

O Monumento dos Imigrantes ou Monumento Carro de Boi é um monumento situado em Campo Grande, próximo ao Horto-Florestal. É considerado o Marco da Fundação da cidade. Este monumento marca o local aonde chegaram as primeiras famílias de migrantes em Campo Grande, que vieram de Minas Gerais desbravar a região. Idealizado pela artista plástica Neide Ono e construído em 1996, o monumento é representado por um carro de boi, meio de locomoção utilizado pelos colonizadores da cidade.
As denúncias de pichações pode ser feitas por meio dos telefones 153 e 199.

Correio do Estado

0 Comentários

Sem Comentários Esta postagem ainda não tem comentários

Comente agora, seja o primeiro!

Mas você pode ser o primeiro a deixar um comentário !

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner