Frente fria chega na quarta-feira e volta a derrubar temperaturas em MSNotícia Anterior
Pacote de obras terá pavimentação de polo empresarial na CapitalPróxima Notícia
Notícias

Noticia em Tempo Real

Governador de MS assina conjunto de leis que corrige distorções salariais

Espaçamento entre linhas+- ATamanho da fonte+- Imprimir esta notícia
Governador de MS assina conjunto de leis que corrige distorções salariais

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) assinou nesta terça-feira (26) 12 leis e dois decretos que corrigem as distorções salariais de 31 categorias e vai beneficiar 26.830 servidores estaduais. Os documentos devem ser publicados no Diário Oficial do Estado (DOE) de quarta-feira (27).

Entre os beneficiados pela alteração no plano de cargos e carreiras estão servidores das polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Agepen, Iagro, Funtrab, Procon e Agehab, além de funcionários das secretarias de Saúde (SES), de Fazenda (Sefaz), de Administração e Desburocratização (SAD), de Governo e Gestão Estratégica (Segov), de Produção e Agricultura Familiar (Sepaf) e de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast).

Além das negociações pontuais, o governo do estado também concedeu abonos, com variação entre R$ 100 e R$ 250 para aproximadamente 40 mil servidores. Em março de 2016, os professores da Rede Estadual de Ensino receberam reajuste de 11,36%.

Em nove carreiras multidisciplinares foram construídos planos de cargos e carreiras transformando o sistema remuneratório em subsídios. Além de tabelas próprias para os cargos, a correção atinge 1.897 servidores das carreiras de Gestão de Atividades de Comunicação, Gestão de Atividades Culturais, Gestão de Atividades Mercantis, Gestão de Atividades Desportivas, Atividades de Planejamento e Orçamento, Gestão de Ações de Desenvolvimento Socioeconômico, Apoio Fazendário, Serviços Organizacionais e Gestão de Medidas Socioeducativas.

Entre as tabelas corrigidas estão as da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, favorecendo 10.157 servidores com redução da diferença remuneratória entre soldado, cabo, 1º, 2º, 3º sargento e subtenente em relação ao coronel, entre outras medidas. Já a nova legislação para a carreira de Policial Civil atingiu 3.776 servidores, corrigindo o valor das tabelas de cargos e alinhando o quinquênio de 5% para 10% entre as classes I e II para delegados.

G1

0 Comentários

Sem Comentários Esta postagem ainda não tem comentários

Comente agora, seja o primeiro!

Mas você pode ser o primeiro a deixar um comentário !

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Destaque

IPTU Premiado sorteou em Maracaju 2 Carros e 3 Motos

IPTU Premiado sorteou em Maracaju 2 Carros e 3 Motos   0

por Maracaju em Foco Na manhã desta quarta-feira 11-04 em frente ao Posto Central ocorreu o sorteio do IPTU Premiado que visou contemplar com prêmios os contribuintes que pagaram o tributo [...]

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner