Justiça barra nomeação de Arroyo para conselheiro do Tribunal de ContasNotícia Anterior
Chuvas devem atingir regiões oeste e sul de MS na quinta-feira, diz InmetPróxima Notícia
Notícias

Professores da UFMS entram em greve a partir do dia 15 de junho

Espaçamento entre linhas+- ATamanho da fonte+- Imprimir esta notícia
Professores da UFMS entram em greve a partir do dia 15 de junho
Notícias relacionadas

Docentes querem reajuste de 27,6% e melhoria das condições de trabalho.

Docentes da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) realizaram, na manhã desta quarta-feira (10), em Campo Grande, uma assembleia e decidiram deflagrar greve por tempo indeterminado. A categoria reivindica principalmente melhorias salariais e de condições de trabalho.

Segundo a assessoria de imprensa do Sindicato dos Professores da UFMS (Adufms), após 72 horas, cerca de 1,3 mil servidores paralisam as atividades. Os professores, a partir do dia 15 de junho, estarão em greve. Já o quadro administrativo está em greve desde o dia 28 de maio.

A categoria quer um reajuste salarial de 27,6%, mais tempo para efetuar pesquisas e também melhorias nas universidades, de acordo com a assessoria do sindicato.

Até o momento, sem uma contraproposta por parte do Governo, os profissionais decidiram realizar a greve. Durante a manhã, os municípios de Aquidauana e Corumbá, também votaram favoráveis ao movimento.

As outras cidades ainda não repassaram um posicionamento oficial. Ao todo, são 1,3 mil professores em atividade no Estado.

Do G1 MS

0 Comentários

Sem Comentários Esta postagem ainda não tem comentários

Comente agora, seja o primeiro!

Mas você pode ser o primeiro a deixar um comentário !

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *