Prefeitura encaminha à Câmara projeto orçamentário de R$ 3,6 bi com alta de 22%Notícia Anterior
Propostas do pacto federativo voltam à pauta após eleiçõesPróxima Notícia
Notícias

TRE/MS registra 295 denúncias; Dourados é 1º no interior em infrações

Espaçamento entre linhas+- ATamanho da fonte+- Imprimir esta notícia
TRE/MS registra 295 denúncias; Dourados é 1º no interior em infrações
Notícias relacionadas

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE/MS) já registra 295 denúncias de crimes eleitorais em Mato Grosso do Sul. Campo Grande aparece na frente, com um total de 192 deste total, seguido por Dourados, com 28 ocorrências registradas pelo TRE/MS, sendo o primeiro do ranking no interior do Estado. Na sequência vem Corumbá, com 20; Sidrolândia, nove; Três Lagoas, oito, conforme mostra o infográfico abaixo.

Com relação às denúncias, lideram queixas, com 69%, o posicionamento de faixas, bandeiras, cavaletes, bonecos, cartazes, mesas com material de campanha eleitoral em via pública. Já, 61% dizem respeito ao assédio de candidatos aos eleitores via mensagens eletrônicas e telemarketing.

O crime com maior potencial ofensivo representa 44% dos crimes registrados pelo TRE/MS. Trata-se de compras de votos, arrecadação ou gastos ilícitos e má conduta de agentes públicos.

Propagandas com faixas, cartazes, entre outros, em imóveis particulares ou sede de partidos, coligações e comitês seguem com 40% dos casos.

Distribuição de material gráfico – volantes, adesivos, folhetos, entre outros, representam 30% das infrações eleitorais; reuniões políticas, 22%; propaganda intrapartidária, 11%; carros de som, autofalantes, amplificadores, 10%.

Já, carreatas, caminhadas e passeatas, 5%; comícios, 2% e regras relativas a debates e entrevistas com candidatos de partidos e coligações, 2%.

Denúncias

As denúncias podem ser postadas no site do TRE/MS – clique aqui

Também podem ser acompanhadas junto ao endereço eletrônico do Tribunal Regional Eleitoral – aqui

TRE/MS/Dourados Agora

0 Comentários

Sem Comentários Esta postagem ainda não tem comentários

Comente agora, seja o primeiro!

Mas você pode ser o primeiro a deixar um comentário !

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *