Recursos previstos para a UEMS em 2018 são insuficientesNotícia Anterior
Temer assina MPs que geram arrecadação e economia para cofres públicosPróxima Notícia
Notícias

Vereadores votam três projetos e um veto na sessão de terça-feira

Espaçamento entre linhas+- ATamanho da fonte+- Imprimir esta notícia
Vereadores votam três projetos e um veto na sessão de terça-feira

Os vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande votam, na sessão ordinária desta terça-feira (31), três projetos de lei e um veto do Poder Executivo.

Em única discussão e votação, será analisado o projeto de lei n. 8.668/17, do Executivo Municipal, que cria o Fundo Municipal de Promoção da Tecnologia Aplicada às Cadeias Produtivas de Campo Grande. Também em única discussão e votação, os vereadores apreciam o veto ao projeto de lei n. 8.490/17, do vereador Delegado Wellington, que autoriza o Executivo a criar a Central de Acolhimento ao Turista Vítima de Violência.

Já em segunda discussão e votação, vai a plenário o projeto de lei n. 8.512/17, também do vereador Delegado Wellington, que autoriza o Executivo a criar o Fundo Municipal para Adequação Urbana de Acessibilidade em Campo Grande.

Por fim, em primeira discussão e votação, os parlamentares analisam o projeto de lei n. 8.424/17, que torna obrigatório o atendimento preferencial às pessoas com transtorno espectro autista nos estabelecimentos públicos e privados de Campo Grande. A proposta é de autoria dos vereadores Prof. João Rocha e Papy.

Palavra Livre – Durante a sessão, usará da palavra o pastor Daniel Schneider, da Igreja Evangélica Luterana do Brasil em Campo Grande, que falará sobre a comemoração dos 500 anos da reforma protestante luterana. O convite partiu do vereador Veterinário Francisco.

Serviço – A sessão será realizada a partir das 9h no Plenário Oliva Enciso, na sede da Casa de Leis, localizada na Avenida Ricardo Brandão, n. 1.600, bairro Jatiúka Park.

Jeozadaque Garcia
Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal

0 Comentários

Sem Comentários Esta postagem ainda não tem comentários

Comente agora, seja o primeiro!

Mas você pode ser o primeiro a deixar um comentário !

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *